Texto: Matheus Rocha (Sedop) / Fotos: Núcleo de Comunicação Sedop

O Governo do Pará iniciou nesta terça-feira (06) a 17ª Reunião Ordinária do Conselho Estadual das Cidades (Concidades/PA). O encontro reuniu conselheiros representantes do poder público e de entidades da sociedade civil para discutir diretrizes voltadas ao desenvolvimento dos municípios paraenses, com ênfase na participação social e integração das políticas públicas em habitação, saneamento básico, meio ambiente, trânsito, transporte e mobilidade urbana.

A reunião do Conselho está sendo retomada após um ano de intervalo, por conta da pandemia de Covid-19. A programação é virtual, mas também com a presença de alguns conselheiros. Todas as medidas sanitárias de proteção contra o novo coronavírus estão sendo adotadas.

O conselheiro Alexandre Veloso participou da reunião como representante da Central de Movimentos Populares. Para ele, a volta das reuniões “é um ato muito importante, para retomarmos discussões sobre o desenvolvimento urbano e rural do nosso Estado. É um grande passo para que possamos debater grandes temas, como saneamento, habitação e o planejamento urbano das nossas cidades”.

A secretária executiva do Concidades/PA, Janete Batista, na abertura da programação disse que “esta retomada é muito importante, mesmo que de forma virtual. É uma ferramenta para darmos andamento ao nosso trabalho e para uma construção efetiva de políticas públicas voltadas ao desenvolvimento do Pará".

Demandas populares - Valdir Acatauassu, secretário adjunto de Desenvolvimento Urbano, da Secretaria de Estado  de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), reforçou a satisfação em retomar o contato com representantes da sociedade e de entidades governamentais. “É uma forma de verificar as demandas dos municípios. Temos representantes dos 144 municípios do Pará, e esta é uma forma salutar para que o Governo busque uma solução para as demandas populares” destacou o gestor.

A programação da 17ª Reunião Ordinária do Concidades prossegue até esta quarta-feira (7). Além de deliberações sobre políticas públicas, os conselheiros vão definir datas e diretrizes para a realização da 7ª Conferência Estadual das Cidades, prevista para ocorrer em 2022.

 

Veja Também