Por Lilian Guedes (ASCOM SEDOP) | Fotos: Mídia Center / Divulgação

 

"Obras do Governo do Pará já alcançaram 85% de conclusão; nova orla terá mais de 1 km"

 

 

Com diversas frentes de trabalho e mais de 140 operários trabalhando, os serviços da construção do muro de arrimo e a urbanização da orla da Avenida Beira-Mar, em Salinópolis, seguem avançando ao longo de 1.200 metros de extensão. 

Gerenciadas pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (SEDOP), já foram executadas as etapas de terraplanagem, construção de quiosques, instalações elétricas e hidrossanitárias, além de toda a estrutura do muro de arrimo, que já foi colocado com estacas-pranchas para garantir a resistência e evitar a erosão. 

Em recente vistoria técnica às obras, o secretário de obras do Estado, Ruy Cabral, ressaltou a felicidade em dar à população de Salinópolis, um espaço lindo, estruturado e que irá valorizar, ainda mais, o município. 

“Dizer do nosso compromisso em entregar esta obra até dezembro e fazer com que todos aqui tenham suas comemorações de festas de final de ano tranquilas, num momento em que estamos finalizando esta obra. Momento espetacular para este tão importante município do estado do Pará que irá beneficiar muito o desenvolvimento do turismo, da cultura e fazer com que as pessoas se sintam bem e valorizem cada vez esse lugar”, disse o titular da SEDOP Ruy Cabral. 

Também está sendo executado o sistema de drenagem, com instalação de drenos, os quais são instalados ao longo do aterro, bem como na estrutura de contenção, os mesmos são formados por tubos de PVC revestidos no lado interno do muro com manta geotêxtil para retenção de partículas sólidas que, porventura, venham a ser levadas pelas águas pluviais.

O projeto prevê quadra de tênis, academia, quadra poliesportiva, pracinha, além da  contenção do muro, atividades urbanísticas, como a revitalização da área da antiga, onde será feito o serviço de  urbanização ao longo da orla, proporcionando integração urbana e social, espaço de convivência para a população e turistas, preservando o traçado original. No local, serão instalados áreas com quiosques, lanchonetes, academia ao ar livre e parque infantil, além de postes de iluminação noturna, área de contemplação da natureza e escadaria de acesso.

O advogado Lafayette Nunes, tem uma casa de veraneio bem em frente ao canteiro de obras e comenta a importância do investimento que vai proporcionar o lazer e turismo no local. 

“Aqui sempre foi um lugar de lazer não só da população local, mas de todo paraense. No início dos anos 80 até meados dos anos 90, aqui era muito utilizado, quando dava umas 18h, geralmente vinham da praia e já ficavam aqui e à noite todo mundo ia para umas barraquinhas como aquelas na ponta do Maçarico. Sempre foi um espaço muito importante para o lazer e diversão para a população, mas com o tempo, por conta dessas erosões, as pessoas foram se afastando e tenho certeza que com a recuperação que está sendo feita fará o povo voltar a frequentar”, disse o morador.

A moradora Bruna Amorim trabalha há 4 meses no Hotel Salinópolis que fica às margens da avenida Beira-Mar. Ela conta que a pandemia diminuiu bastante o movimento de turistas, além da erosão que destruiu o espaço turístico.

“Logo que tivemos a pandemia, o fluxo de movimento dentro de Salinas caiu bastante, então como é uma cidade turística onde a gente precisa que venham visitar a cidade, conhecer a nossa culinária, as nossas praias e fazer o turismo, perdemos bastante. Além disso, com o tempo, a erosão foi destruindo toda a frente da nossa praia, mas graças a Deus essa obra surgiu para melhorar também esse movimento aqui no estabelecimento. Para mim veio para melhorar bastante, principalmente a vida dos moradores daqui, pois precisamos do turismo para sobreviver”, pontuou Bruna.

Salinópolis - Um dos destinos mais procurados pelos turistas fica a cerca de 220 quilômetros da capital e devido às obras será ainda mais valorizada em períodos de férias escolares, feriados, potencializando a economia de hotéis, pousadas e estabelecimentos do entorno. 

 

 

 

Veja Também