Servidores da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop) participaram, na manhã desta quarta-feira (26), de uma testagem para a detecção do novo coronavírus. A ação contou com a participação de profissionais da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

O objetivo da ação foi identificar servidores que já tiveram ou não contato com vírus, possibilitando uma mapeamento dos casos de COVID-19 na Secretaria. De acordo com a coordenadora de Recursos Humanos da Sedop, Rossane Mendes, a testagem foi importante para identificar servidores que podem estar com o vírus ativo ou aqueles que não tiveram contato. “Esta é uma preocupação que a gente em tendo desde o início da pandemia, com relação ao retorno gradual dos servidores, a qualidade de vida e de saúde de cada um. Ainda de acordo com a coordenadora, servidores do grupo de risco que ainda não manifestaram a doença devem permanecer afastados, em regime de trabalho remoto.

Os testes realizados buscaram identificar o anticorpo Imunoglobulinas (IgG). De acordo com o enfermeiro da Sespa Eduardo Barros, este é anticorpo está envolvido quando a pessoa já teve a doença, mesmo que assintomática. “Através desta iniciativa nós buscamos fazer a triagem dos servidores para identificar aqueles que já tiveram contato com o vírus. Desta forma, podemos retirar servidores possivelmente contaminados de contato com os demais, quebrando a cadeia de transmissão do vírus”, destacou o profissional.

Veja Também