Texto: Matheus Rocha (Sedop)

As obras do programa “Asfalto Por Todo o Pará”, executadas pelo governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Pública (Sedop), seguem sendo realizadas, apesar da pandemia do novo coronavírus. Iniciado em 2019, as ações têm como objetivo garantir serviços de pavimentação em municípios das 12 regiões de integração do Pará. O investimento é de mais de R$ 700 milhões para os anos de 2020 e 2021.

Atualmente, os serviços estão sendo executados em 42 municípios de 11 regiões de integração do Estado. De acordo com o secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, Ruy Cabral, o projeto visa beneficiar cidades de todas as regiões do Pará, com cerca de 504 km de asfalto de qualidade. Ainda segundo o titular da pasta, a região do Tapajós já está em fase final de processo licitatório e, em breve, também será incluída no programa. 

“O projeto visa melhorar a infraestrutura das cidades. Serão atendidas ruas desprovidas de pavimentação. Apesar do momento difícil que estamos vivendo por conta do novo coronavírus, nossas equipes seguem adotando todas as medidas de segurança e trabalhando para garantir a evolução dos trabalhos”, garantiu o titular da Sedop.

De acordo com a diretora de Fiscalização e Acompanhamento de Obras da Sedop, Cristina Guedes, os serviços seguem avançando. “Em alguns municípios de regiões como o Guamá e o Lago Tucuruí, os trabalhos já estão em fase de conclusão”, afirmou. Ainda segundo ela, outras cidades paraenses já estão com ordem de serviço assinada e devem ter as obras iniciadas nas próximas semanas.

Lista de municípios onde as obras estão em execução:

Região de Integração do Marajó (6): Cachoeira do Arari, Soure, Ponta de Pedras, Curralinho, Portel e Muaná.

Região de Integração do Caeté (2): Viseu e Primavera.

Região de Integração do Carajás (2): Bom Jesus e Parauapebas.

Região de Integração do Guamá (7): Curuçá, São Domingos do Capim, Marapanim, Santa Maria do Pará, São Francisco do Pará, Magalhães Barata e Terra Alta.

Região de Integração do Rio Capim (6): Mãe do Rio, Bujaru, Concórdia do Pará, Nova Esperança do Piriá,Tomé-Açu e Ipixuna do Pará.

Região de Integração do Lago Tucuruí (3): Novo Repartimento, Itupiranga e Goianésia do Pará.

Região de Integração do Guajará (4): Marituba, Ananindeua, Santa Bárbara do Pará e Benevides.

Região de Integração do Baixo Amazonas (4): Monte Alegre, Oriximiná, Prainha e Faro.

Região de Integração do Tocantins (4): Moju, Abaetetuba, Igarapé-Miri e Baião. 

Região de Integração do Araguaia (4): Conceição do Araguaia, Redenção, Santa Maria das Barreiras e Bannach.

Veja Também