Texto: Carol Menezes (Secom) / Fotos: Alex Ribeiro (Ag.Pará)

Iniciadas em 21 de setembro deste ano, as obras de pavimentação nos conjuntos habitacionais Mário Kató I e II, em Santa Izabel do Pará, município da Região Metropolitana de Belém, vão transformar, para melhor, a rotina das centenas de moradores da área residencial. No âmbito do Programa Asfalto por Todo o Pará, a intervenção urbana promovida pelo governo do Estado e orçada em R$ 5,9 milhões inclui a pavimentação de quatro quilômetros de vias, de um total de 11, e deve ser concluída até o início de 2021. 

Segundo a equipe que trabalha no local, a WE-05 já recebeu o preparo que antecede o asfaltamento, enquanto a WE-06 passa por terraplenagem. O trabalho inclui ainda drenagem superficial, calçada e meio-fio.

O autônomo Luiz Antônio Vicente Ferreira mora no conjunto há seis anos, desde quando os residenciais foram entregues, e conta que nunca houve uma obra desse porte na área. "Tinha no máximo uma pintura, uma camada de alguma coisa. A gente está muito alegre, porque era calamitosa a situação aqui. Vai atrair mais comércio para cá. Muitos já tinham desistido; não queriam nem entrar aqui de tão ruim. A gente agradece e espera pelo melhor", disse ele, morador da WE-06.

Próximo a Luiz Antônio Ferreira reside a doméstica Rosa Nunes, que se mudou para o local também há quase seis anos. "Tinha piche aqui, nem asfalto era. Aí a gente lida o tempo todo com muita lama, muito buraco, principalmente quando chove. Já está melhor, porque com o começo das obras também foram desentupindo os bueiros, que estavam sempre cheios de lixo, porque nem sempre quem mora aqui colabora. Vai ficar excelente quando concluírem tudo", afirmou.

Mobilidade - Valdir Acatauassu, secretário adjunto de Gestão e Desenvolvimento Urbano da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), confirmou que a execução do “Asfalto por Todo o Pará” transcorre conforme previsto no cronograma. "Demos o pontapé inicial nesses quatro quilômetros, que vão melhorar a qualidade de vida, a mobilidade e deixar o bairro em condições melhores", informou.

Líder comunitário ligado à associação de moradores dos dois conjuntos, José Maria Batista ressaltou que há muita expectativa dos moradores, principalmente em relação ao comércio na área. "Com asfalto, fica melhor para todos: pedestre, carros e mototáxi. As condições de tráfego eram muito ruins, e com essa chegada do governo do Estado a gente espera uma melhora de 100%", disse José Maria, que também reside no conjunto desde a entrega dos imóveis.

Veja Também